Livro com informações técnicas para a cultura da aveia está disponível

Um compilado das principais informações técnicas sobre a cultura da aveia, com o que há de mais atual na pesquisa e na transferência das informações para os agricultores. Assim o professor do curso de Agronomia da Setrem, Rodrigo Danielowski, define o livro ‘Informações técnicas para a cultura da aveia’, do qual ele é o organizador principal.

“A obra é um importante meio de difusão de conhecimento científico para que seja utilizado na prática, com uma linguagem de fácil compreensão, visando uma agricultura com maior responsabilidade ambiental e com potencial de melhor rentabilidade financeira para os produtores rurais. Ele traz informações sobre a importância econômica da aveia, cultivares, manejo de solo, de pragas e de doenças”, destaca Danielowski.

Disponível na versão impressa e para download no formato de e-book, o livro é gratuito e traz conteúdos produzidos por pesquisadores e aprovados na 40ª Reunião da Comissão Brasileira de Pesquisa de Aveia (RCBPA), realizada na modalidade on-line de 30 de março a 1º de abril pela Faculdade de Agronomia da Setrem.

Danielowski explica que o livro teve apoio e patrocínio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do RS (Fapergs), além de outros patrocinadores. Ele foi escrito por pesquisadores da Região Sul e também de São Paulo, empresas públicas e privadas, dentre eles três professores da Setrem: Marcos Caraffa, Cléia dos Santos Moraes e Rodrigo Pizzani.

“A última edição do livro foi publicada em 2014. Com capítulos já previamente elaborados nas reuniões anteriores, a obra foi atualizada e esta edição conta com dois novos capítulos, que abordam a aveia dentro de um sistema produtivo e o uso de reguladores de crescimento”, acrescenta o organizador da obra.

A aveia é uma cultura significativa no Sul do país, tendo papel importante nos diversos sistemas de produção e também quando utilizada para rotação de culturas, em condição de integração lavoura-pecuária e em sistema de produção agrossilvipastoril.

Devido a relevância desta cultura, a Setrem vem, há muitos anos, realizando estudos acerca do cereal. O professor Marcos Caraffa, coordenador do curso de Agronomia da Setrem, conta que, quando foi iniciada a Área Experimental Setrem, em 2000, o primeiro experimento nela estabelecido foi de aveia: Ensaio Brasileiro de Cultivares de Aveia.

“Desde então, ininterruptamente, a Setrem conduz esse ensaio, tendo participado de todas as Reuniões da Comissão Brasileira de Pesquisa de Aveia ocorridas. E este ano foi a primeira vez que a Setrem sediou e organizou o evento. Importante destacar que, desde 2009, a instituição passou a conduzir, também, os Ensaios Brasileiros de Aveias Forrageiras e de Aveias para Cobertura. Portanto, são mais de 20 anos de informações sobre aveia, gerando muito conhecimento e o maior banco de dados da cultura na região”, finaliza Caraffa.

Related Posts