Bacharelado em

Enfermagem

Acreditamos na gestão do cuidado

Cultivar a ciência e a arte de cuidar do sujeito e da coletividade em todos os níveis de atenção à saúde fazem parte do perfil do enfermeiro formado na Setrem. É generalista, humanista, crítico, pesquisador e reflexivo, capaz de reconhecer, planejar, organizar, coordenar, implementar e reavaliar a assistência de enfermagem a sujeitos e/ou comunidade. A experiência vivenciada em diversos espaços de saúde, aliada ao compromisso com a vida, fazem parte da formação deste profissional.

Bacharelado

Noturno

5 anos

Organização Curricular

Pesquisa em Enfermagem II

  Semestre       Disciplina       C.H.       C.H. PAE   

1

1

1

1

1

1

1

Anatomia Humana I

Atendimento Pré-hospitalar

Citologia e Histologia

Fundamentos de Enfermagem

Projeto Acadêmico de Extensão em Saúde e Ambiente

Saúde e Ambiente

Segurança do Paciente

50

25

50

50

25

50

50

2

2

2

2

2

2

2

2

Anatomia Humana II

Biologia da Reprodução

Bioquímica

Epistemologia do SUS

Fisiologia Humana

Microbiologia e Imunologia

Projeto Acadêmico de Extensão em Semiologia e Semiotécnica Básica

Semiologia e Semiotécnica Básica

25

25

25

25

50

50

50

50

3

3

3

3

3

3

3

3

Educação em Saúde

Epidemiologia e Vigilância em Saúde I

Farmacologia Básica

Parasitologia

Patologia

Projeto Acadêmico de Extensão em Educação em Saúde

Projeto Acadêmico de Extensão em Semiologia e Semiotécnica Avançada

Semiologia e Semiotécnica Avançada

25

25

50

25

25

100

50

50

4

4

4

4

4

4

4

4

4

Atividades Complementares de Graduação I

Enfermagem em Ginecologia

Enfermagem em Neonatologia, Pediatria e Hebiatria

Enfermagem em Obstetrícia

Farmacologia Clínica

Fundamentos da Ciências Sociais I

Metodologia da Pesquisa

Projeto Acadêmico de Extensão em Enfermagem em Obstetrícia

Projeto Acadêmico de Extensão em Enfermagem em Neonatologia, Pediatria e Hebiatria

50

25

50

50

50

25

50

50

50

5

5

5

5

5

5

5

Bioética

Enfermagem em Saúde do Idoso

Enfermagem em Saúde Mental

Projeto Acadêmico de Extensão em Enfermagem em Saúde Mental

Projeto Acadêmico de Extensão em Saúde da Família Urbana e Rural

Processo de Enfermagem e Raciocínio Clínico

Saúde da Família Urbana e Rural

50

25

75

50

50

50

50

6

6

6

6

6

6

6

6

6

Atividades Complementares de Graduação II

Enfermagem em Saúde do Adulto

Enfermagem em Saúde do Trabalhador

Enfermagem Perioperatória

Informática em Saúde

Nursing Maker

Projeto Acadêmico de Extensão em Enfermagem Perioperatória

Projeto Acadêmico de Extensão em Enfermagem em Saúde do Adulto

Tanatologia

75

50

25

50

50

25

50

25

25

7

7

7

7

7

7

7

7

7

7

Atividades Complementares de Graduação III

Enfermagem em Cuidado Intensivo

Enfermagem em Pronto Atendimento

Epidemiologia e Vigilância em Saúde II

Felicidade

Fundamentos da Ciências Sociais II

Gestão e Liderança em Saúde I

Língua Portuguesa Instrumental

Projeto Acadêmico de Extensão em Enfermagem em Cuidado Intensivo

Projeto Acadêmico de Extensão em Enfermagem em Pronto Atendimento

75

50

25

25

25

25

50

50

 

50

50

8

8

8

Estágio Supervisionado I

Gestão e Liderança em Saúde II

Pesquisa em Enfermagem I

400

50

50

9

9

9

9

Atividades Complementares de Graduação IV

Estágio Supervisonado II

Optativa I

Pesquisa em Enfermagem II

50

400

25

50

10

10

10

Estágio Supervisionado III

Optativa II

Optativa III

400

50

25

Eletivas

A.C.G. Atividades Complementares de Graduação

Carga horária total do curso 4.000

Informações Adicionais

Histórico

A região Noroeste do Rio Grande do Sul, onde está inserida a Setrem, em 2001 apresentava carência de profissionais com graduação em Enfermagem, especialmente voltados à saúde coletiva. Tendo em vista a possibilidade de satisfação da necessidade identificada, engajaram-se lideranças públicas e privadas ligadas à saúde, apoiando a criação deste curso.

O enfermeiro deve despontar neste contexto evolutivo como um profissional atuante e participativo, preparado e com conhecimentos nas áreas pública e privada do setor da saúde. Necessita criar vínculo com o usuário/cliente, sendo capaz de influir no processo saúde-doença, prevenindo a doença e promovendo a saúde, podendo ser um elo com os demais profissionais e a comunidade.

A saúde coletiva necessita de um profissional voltado à realidade e consciente de seu papel como agente de transformação social. Tendo a academia neste contexto um importante papel como facilitadora em transformar realidades e promover inovações tecnológicas e científicas.

Em 2002, o curso iniciou seus estágios na Rede Básica de Assistência à Saúde. O setor da Saúde Pública, com as Unidades Básicas e Estratégias de Saúde da Família e o setor Privado/Filantrópico com os Hospitais. Foi um período de muitas negociações, porque estabelecer algo novo no interior de instituições tradicionais já estabelecidas na comunidade há algum tempo não foi fácil, causou desacomodações e modificou o fluxo de trabalho. Entretanto, sabe-se que de alguma forma os ganhos são mútuos: a Enfermagem, porque tem o espaço para desenvolver suas práticas e ajudar a comunidade por intermédio de um parceiro e, as Instituições, porque durante os estágios, circulam novos conhecimentos em suas unidades. Os acadêmicos transformam-se em uma força de trabalho extra e seus usuários/clientes são atendidos com atenção por alguém que está querendo conhecê-los e cuidá-los.

O Bacharelado Enfermagem também atende a nova visão e concepção de demanda e oferta dos serviços do SUS. O currículo proposto atende as orientações expressas nas Diretrizes Curriculares Nacionais para os Cursos de Enfermagem (CNE/MEC, 2001). Enfatiza fortemente a associação entre a teoria e a prática, que propicia o desenvolvimento individual e coletivo, qualificando o estudante para o exercício profissional da Enfermagem. O que corrobora esta última afirmativa é que boa parte do corpo docente, efetivamente, desempenha sua função enquanto enfermeiro/a em um dos períodos do dia ou da noite em Instituições de Saúde (principalmente nas Unidades Básicas de Saúde, ESF, Hospitais e 14ª CRS) e em turnos inversos, produz suas aulas, proporcionando momentos de reflexão e exemplificação profícuos.

No ano de 2011, a Enfermagem completou 10 anos de existência, ciente de ter cumprido com seu propósito de cuidar da comunidade três-maiense e regional, com um corpo docente sólido e qualificado e com inúmeros parceiros. O Curso entende-se hoje desenvolvendo um “trabalho em rede”, em que muitos nós estão interligados e são essenciais para darmos continuidade aos projetos dos próximos 10 anos.

Objetivos do Curso

O Curso de Bacharelado em Enfermagem da Setrem visa formar profissionais generalistas que possam atuar em vários campos, como: atendimento domiciliar, ambulatorial, hospitalar ou comunitário, em empresas, atuando na saúde do trabalhador ou com auditoria de contas, em casas geriátricas, na saúde pública, com um trabalho focado na prevenção, em organizações não-governamentais, no ensino técnico e superior de Enfermagem, em escolas de educação infantil, em pesquisas e laboratórios, entre outros.

  • Formar recursos humanos para a área da Saúde, com caráter generalista;
  • Formar profissionais que dominem os conhecimentos básicos da Enfermagem, respeitando a legislação vigente que regulamenta a saúde, as propostas das Diretrizes Curriculares Nacionais e as novas tecnologias;
  • Promover a qualificação e o aperfeiçoamento de profissionais e professores da Enfermagem, através das ações de extensão e formação continuada ou permanente, garantindo sua integração no processo de transformação necessário à sociedade;
  • Possibilitar que o profissional em formação reconheça o seu compromisso com: a pesquisa, o conhecimento científico, a realidade na qual está inserido, o sujeito, a família, a comunidade, a profissão, as entidades de classe e seus direitos; 
  • Socializar com a comunidade, conhecimentos e tecnologias das áreas da Saúde e da Enfermagem, produzidos no âmbito do Curso.

Habilidades e Competências

O egresso do Curso de Bacharelado em Enfermagem da Setrem deverá ser capaz de:

  • Desenvolver o cuidado humano visando a promoção da qualidade da vida;
  • Prestar Assistência Integral de Enfermagem em diversos níveis de atenção à saúde;
  • Intervir no processo saúde/doença responsabilizando-se pela qualidade da assistência prestada;
  • Prestar cuidados de Enfermagem compatíveis com as diferentes necessidades apresentadas pelo sujeito, pela família e pelos diferentes grupos da comunidade;
  • Analisar numa perspectiva histórico-cultural, os determinantes e os condicionantes políticos, sócio-econômicos e ambientais do processo saúde/doença, atuando como agente de mudança;
  • Reconhecer seu papel de educador atuando como produtor e multiplicador do conhecimento;
  • Planejar e implementar programas de formação permanente/continuada dos trabalhadores de Enfermagem;
  • Responsabilizar-se pela qualidade da assistência de Enfermagem, como responsável técnico e científico da equipe de Enfermagem;
  • Planejar, programar e gerir serviços, no Sistema de Saúde vigente;
  • Reconhecer as relações de trabalho e sua influência na saúde;
  • Reconhecer, planejar, organizar, coordenar, implementar e reavaliar a assistência de enfermagem a sujeitos, grupos e coletividade, em todas as fases do ciclo vital, nos diversos níveis de complexidade, usando metodologia específica e adequada;
  • Gerenciar o processo de trabalho em Enfermagem com princípios de Ética e de Bioética, com resolutividade tanto em nível individual como coletivo em todos os âmbitos de atuação profissional;
  • Compreender as Políticas Públicas de Saúde no contexto das Políticas Sociais, reconhecendo os perfis epidemiológicos das populações;
  • Utilizar os códigos éticos, políticos e normativos da Enfermagem como fundamento de sua prática;
  • Desenvolver atividades de pesquisa inerentes a área de trabalho, para atuar com competência técnica/científica, ética, política e estética na realidade que enfrentará como um profissional da Saúde;
  • Ministrar cursos de extensão na área da saúde coletiva;
  • Ser um profissional empreendedor na busca de novas alternativas de trabalho na área da Enfermagem;
  • Promover e valorizar o trabalho em equipe;
  • Estabelecer processos de comunicação eficientes e eficazes;
  • Primar por uma postura de ação comunicativa, que revele o domínio das tecnologias de comunicação, de informação e de ponta;
  • Facilitar o processo de inclusão dos sujeitos, independente de sua condição social;
  • Integrar as ações de enfermagem às ações multiprofissionais;
  • Participar da composição das estruturas consultivas e deliberativas do sistema de saúde;
  • Assessorar órgãos, empresas e instituições em projetos de saúde;
  • Cuidar da própria saúde física e mental e buscar seu bem-estar como cidadão e como enfermeiro;
  • Reconhecer o papel social do enfermeiro para atuar em atividades de política e planejamento em saúde.

Corpo Docente

Adriana Fátima Canova Motter – Doutora

Adriane Freoder Kleinpaul – Especialista

Angelica Reolon da Costa – Doutora

Camila Lehr – Especialista

Carlice Maria Scherer – Mestra

Elisangela Siomara Rodrigues – Mestra

Fabiana Avellaneda – Especialista

Fauzi de Moraes Shubeita – Doutor

Fernanda Furini – Mestra

Gabriele Catyana Krause – Doutora

Gilberto Souto Caramao – Mestre

Jacinta Spies – Especialista

Lisete Maria Sander Kunzler – Especialista

Marina Zucatto – Mestra

Paulo Fabio Pereira – Mestre

Rosa Zorzan de Paula – Especialista

Silvana Ceolin – Doutora

Vanessa Sallapata – Especialista

Vera Beatriz Pinto Zimmermann Weber – Mestra

ACiSo e Rondon

Projeto Pedagógico do Curso

Oportunidades de atuação

  • Hospitais, Clínicas e Unidades de Saúde
  • Equipes de Resgate e Atendimento de Emergência
  • Assistência Domiciliar e Pré-hospitalar
  • Enfermagem do Trabalho
  • Pesquisa Clínica
  • Centros de Atenção Psicossocial
  • Atuação em Especialidades: Geriátrica, Pediátrica, Obstétrica, Cirúrgica e Psiquiátrica

Informações de contato

Coordenador:
Gilberto Souto Caramão

Av. Santa Rosa, 2405
Casa 1 – Campus Setrem 

55 3535-4628
gilberto@setrem.com.br

 

Conecte-se conosco

     

 

Estude Enfermagem na Setrem

O curso de Enfermagem da Faculdade Setrem forma enfermeiros humanizados que dominam a gestão do cuidado nos diferentes ambientes da saúde.

Venha estudar em uma Faculdade que oferece uma formação com foco no conhecimento e na experiência, metodologias modernas, projeto pedagógico moderno e atualizado, professores especializados e com experiência prática, conectando teorias com as realidades locais, regionais e globais.